Make your own free website on Tripod.com

 

 

 

<<<<<<<<<<<<<<<<<<

A OBRA DO HOMEM

>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

 

 

 

EM LUGAR ALGUM das Sagradas Escrituras encontramos Jesus ou seus discípulos praticando doutrinas, preceitos, artifícios, organizações, métodos, expedientes ou atitudes abaixo mencionadas:

1. Uso de roupa especial para líderes, obreiros, diáconos, pastores, anciãos, etc.

2. Uso de roupa especial para batismo (túnicas, aventais, etc.)

3. Certidão de batismo e rol de membros

4. Carteira de membros

5. Controle nominal e envelope de dízimo

6. Envelopes para votos

7. Uso de batistérios, tanques e piscinas para batismo

8. Batismo de crianças ou adolescentes

9. Uso da melhor roupa para ir ao culto

10. Correntes para obtenção de benção

11. Lenço, sal, sabonete e bala ungidos

12. Distribuição indiscriminada de óleo ungido

13. Ênfase no dízimo e ofertas, dissociada de uma entrega total da vida a Jesus

14. Pedidos insistentes de dinheiro, etc. durante o culto

15. "Sem dinheiro a obra não anda."

16. A igreja interessada na construção de templos (Atos 19:9).

17. Uso do Velho Testamento com valor além do que realmente tem, sem considerar oque o Novo Testamento afirma sobre o VELHO.

18. Uso de título para designar a pessoa que ocupa a função de pastor, presbítero, etc.

19. Cobrar para orar por uma pessoa

20. Aceitar ou pedir dinheiro de pessoas que não são seguidoras de Jesus

21. Caixinha de bençãos, caixinha de orações, orações por escrito.

22. Doutrina de hierarquia e nomes de demônios

23. Atividades comerciais para obtenção de dinheiro (vendilhões do templo)

24. Aplausos para o pregador ou cantor, às vezes disfarçados como sendo para Jesus.

25. Definição da forma correta de louvor (ritmo lento ou rápido, palmas obrigatórias ou proibidas, gestos, representações, barulho ou silêncio santos, condutor, ministro ou responsável pelo louvor)

26. Regulamento da igreja

27. Ginkanas

28. Cultos para fins específicos (libertação, jovens, cura divina, etc. )

29. Definição de uma forma correta de pregação, quanto à forma de expressão

30. A liderança da igreja deve sentar-se à frente da congregação em local de destaque

31. Chamar o edifício onde a igreja se reúne de "igreja" ao invés de templo

32. Doutrina de "benção e maldição" dissociada de doutrina de "obediência e desobediência" ou "aquele que é de Deus o maligno não lhe toca" ou "a maldição sem causa não se cumpre" (prov. 26:2)

33. O espírito reside no coração ou no ventre.

34. Assistência médica ou uso de remédios antes de buscar o Senhor.

35. Endividamento da igreja, assumindo dívidas "pela fé". 

36. Uso de cálices e bandejas especiais para ceia.

37. Somente o pastor pode batizar.

38. Os demônios não lêem pensamentos.

39. Invocação de Miguel e Gabriel. Dar ordens aos anjos.

40. Doutrina de Jeová-Jiré, conforme consta no livro do Pr. Jerônimo da IEQ.

41. Demônios hereditários, desafio à demônios, invocação para que se manifestem para depois serem expulsos. Queimar os demônios.

42. Envolvimento da Igreja com política.

43. Definição do tamanho correto para o cabelo das irmãs, ou que os anjos apanham os cabelos e os guardam no céu. (Diz apenas que o homem deve ter o cabelo curto e a mulher longo. )

44. Idolatria da cidade santa; a visita a Jerusalém-Israel traz algum proveito espiritual. ("Bem-aventurados os que não viram e creram. ")

45. O cristão que é agredido fisicamente por ímpios está em pecado.

46. Cirurgia invisível, banco de órgãos celestial, sono profundo.

47. Dom de adquirir riquezas, unção das mãos para prosperar materialmente.

48. O cristão tem que ter uma situação financeira razoável para dar testemunho das bênçãos de Deus em sua vida, porque senão ninguém vai querer seguir a Jesus.

49. Unção de ruas, casas, carros, etc.

50. Uso de rosa vermelha para atrair energia negativa.

51. Não devemos condenar as obras infrutuosas das trevas, doutrinas criadas pelos homens e heresias, porque o Espírito Santo vai cuidar de consertar as pessoas e "igrejas" que estão erradas. 

52. Envio de fio de cabelo para ser queimado no Monte Sinai.

53. Uso do louvor como meio de atrair a atenção, emocionar ou pregar a Palavra. (O louvor não era dirigido aos ouvintes, mas ao Senhor. )

54. Uso de manto santo ou tapete ungido para abençoar as pessoas ou expulsar demônios.

55. Uso de passas ungidas para libertação da família.

56. Apelo para que as pessoas aceitem Jesus ou que levantem as mãos.

57. Ceia dos dizimistas.

58. Água benta ou ungida.

59. Pena de morte para criminosos.

60. Comemoração de Natal; que Jesus tenha nascido em 25/12 ou no ano zero de nossa era.

61. Celebração da festa das primícias.

62. Ética pastoral.

63. O pastor é o líder da igreja, centralizando as decisões ou representando-as.

64. Somente o pastor pode celebrar a ceia.

65. Campanhas ou correntes com o fim de obter-se uma determinada benção.

66. Exterminadores de riquezas, gafanhotos são demônios, Jó não era dizimista, etc.

67. Seminários teológicos.

68. Administração de escolas de ensino secular ou mundano por parte da igreja.

69. Proibição do uso de barba ou bigode. (A barba era comum em Israel conforme o Sl 133. )

70. O pastor tem o direito de impedir que alguém tome a ceia por algum motivo. (É um problema de consciência de cada um, depois de ser devidamente avisado conforme I Coríntios 11:28. )

71. Participação da igreja ou de seusmembros em jogos de azar com o objetivo de angariar fundos ou enriquecimento, tais como: víspora, rifas, bingo, loterias. (No suor do teu rosto comerás teu pão. Gen 3:19)

72. A doutrina de que não toqueis em meus ungidos significa omitir-se diante das heresias e falhas praticadas por pastores e, simplesmente orar, deixando as almas nas mãos destes lobos devoradores. (Galatas 2:11, 14: Paulo repreende Pedro na presença de todos. )

73. A terra era ou tornou-se sem forma e vazia (Gen 1:2) por causa da queda de Satanaz. (Trata-se de uma ESPECULAÇÃO de quem não tem nada mais importante para ensinar e demonstração de cultura inútil)

74. Nunca havia chovido antes do dilúvio. (Mais uma cultura inútil. )

75. Paulo foi o 12º apóstolo e não Matias. (Idem)

76. A igreja promovendo lazer, esporte, atividades culturais, ou que tais coisas tragam um real proveito espiritual ou sejam essenciais.

77. Jesus tomou a chave do inferno do diabo.

78. Pobreza é maldição (Marcos 12:44, II Coríntios 8:2, Romanos 15:26)

79. Permissão para divisão ou dissensão na igreja, criando denominações.

80. Namoro.

81. Escrever na Bíblia é pecado, porque ela é a boca de Deus.

82. Podemos ir além do que está escrito (I Cor 4:6), criando atividades que não foram incontestavelmente adotadas no N. T. , usando o versículo de João 21:25 que afirma ter resumido as obras de Jesus, porque não caberiam na terra os livros para contê-las todas. (Curiosamente este o versículo mais usado pelos espíritas. )

83. É melhor orar de olho aberto ou fechado.

84. O demônio traz consigo uma bagagem, a qual deve ser levada por ele ao sair de uma vida.

85. É mais difícil expulsar demônios de alguns lugares do que de outros (como o templo ou uma casa já consagrada ao Senhor).

86. Não podemos expulsar demônios em nossa casa porque senão eles ficam por ali nos atormentando.

87. Expulsão de demônios de lugares como casas, bairros, cidades, países e do próprio planeta Terra.

88. Demônios podem entrar na vida das pessoas através de coisas físicas.

89. Comemoração de data de aniversário de pessoas, denominações ou templos.

90. Reunião dos membros da igreja para tratarem de assuntos mundanos tais como política e negócios.

91. Realização de casamento pelos líderes da igreja ou promessa de que os noivos serão felizes. (Os inimigos de um homem serão seus familiares. – Mateus 10:36)

92. Ensino sobre o primeiro e, principalmente segundo casamento, sem considerar-se a alternativa forte e límpida do celibato (Mateus 19:10 a 21, I Coríntios 7), como se todos fossem obrigados a casar.

93. Doutrina incontestável aprovando o segundo casamento.

94. Os anjos não tem livre arbítrio. Se serão julgados. . . (I Cor 6:3)

95. Os anjos que serão julgados serão apenas os que seguiram Satanáz enquanto outros dizem que serão somente os anjos de Deus.

96. Benção apostólica no final das reuniões.

97. Diferença clara entre Rhema e Logos.

98. Pedir-se ao Senhor para morrer com o objetivo de não cair na fé.

99. O batismo em nome do Pai, Filho e Espírito Santo (Mat 28:19) e o batismo em nome de Jesus apenas (Atos 2:38) são diferentes.

100. A revelação recebida atualmente tem mais valor do que a Palavra escrita, em caso de conflito, porque o Senhor tem uma obra mias elevada para hoje do que para a igreja daquela época. Por exemplo: Quando Jesus disse que quem não ajuda os pobres, doentes e encarcerados não entra no céu (Mat 25:31a46) não precisa ser levado em consideração porque "este povo é tudo desviado", não é dizimista, ou o Senhor não revelou especificamente para ajudar aquela pessoa. 

101. Uso de cruzes ou figuras no templo ou no pescoço, etc.

102. O púlpito é o altar.

103. O templo é a casa de Deus e um lugar santo. (Efe 2:21, 22)

104. Colocar a mão no coração e na própria cabeça quando orar.

105. Consagração de dízimos e ofertas.

106. O diabo é culpado de tudo de ruim que acontece.

107. Orar apenas uma vez fazendo um pedido. Depois é só agradecer.

108. Grupo caseiro, grupo de reflexão, grupo de crescimento, etc. .

109. Tirai a pedra, Marta. E ela era muito forte e tirou. (João 11:39)

110. O que Jesus pregou antes de sua morte não tem valor porque ainda vigorava a leide Moisés.

111. Paulo apóstolo esteve três anos no deserto.

112. O nome dos salvos está escrito com sangue no Livro da Vida.

113. Batalha espiritual através da oração não pode ser feita estando de joelhos e sim de pé.

114. Uma criatura nascida de novo não pode ser possuída pelo diabo. (Basta ela se desviar – João 15:2 – e seu segundo estado será pior do que o primeiro – II Pedro 2:20 a 22)

115. Avivamento da igreja. (Se a igreja ou o cristão não é avivado, é porque está MORTO e portanto, não é igreja nem cristão. )

 


- Fale com Heitor Reis: heitorreis@brfree.com.br
- Leia textos de Heitor Reis publicados por terceiros clicando aqui.
- Visite também o outro site de Heitor Reis, Ditadura Civil no Brasil.

Voltar para a página inicial 

 

 

clique aqui!
by Banner-Link